Ciência de Dados - Um recurso valioso para sua empresa

< Voltar

Insights

08/06/2022

Ciência de Dados - Um recurso valioso para sua empresa

Como a análise de dados pode trazer valor para o RH da sua empresa

Com o avanço da tecnologia, a análise de dados tem se tornado um assunto prioritário para a maioria das organizações. Os dados têm sido usados para melhorar a experiência do cliente, identificar oportunidades de investimento e gerar valor para as empresas. As farmacêuticas, por exemplo, utilizam informações de consumidores para tentar desenvolver novos medicamentos. Já as empresas de petróleo e gás usam a ciência de dados, para prever problemas potenciais e tentar localizar e explorar novos recursos.

Uma pesquisa realizada pelo LinkedIn revela que o setor de Recursos Humanos tem apostado, cada vez mais, no potencial de people analytics na gestão de pessoas. Cerca de 7 mil profissionais de RH, em 35 países diferentes, participaram do estudo. 73% dos entrevistados disseram que a solução de análise de dados ligadas à movimentação e comportamento dos funcionários será prioridade para suas empresas nos próximos cinco anos.

Na área de Recursos Humanos a análise de dados pode ajudar as empresas nos processos de recrutamento e seleção, retenção e gestão de talentos, desenvolvimento, custos e produtividade. O People analytics vai além dos indicadores clássicos de RH, pois permite identificar as causas dos problemas e com isso gerar mais valor para a empresa.

O Gerente da Universidade Petrobras e Líder em Transformação Digital Danilo Garbazza, explica que a aplicação do people analytics gera maior objetividade e clareza para o processo de tomada de decisão. “Antes, na Petrobras, as informações eram muito segmentadas em várias regiões do país e hoje desenvolvemos um Hub no RH com todos os dados em uma única plataforma que é acessada por 4.500 gestores. Temos trabalhado fortemente para democratizar e dar acesso às informações”.

Danilo diz que, inicialmente, o trabalho foi feito para detectar os problemas e hoje, o sistema já reúne informações consideradas estratégicas para a gestão de pessoas. “A gente consegue ter desde a visão macro até a mais detalhada; e na área de gestão de talentos estamos fazendo um trabalho utilizando esses dados para entender melhor o perfil da liderança e como a gente pode trabalhar a sucessão gerencial”, explica.  

Quais os principais desafios para implementar o People Analytics? 

A tecnologia pode ajudar a fornecer a resposta para a tomada de decisões que impactam o suporte, desenvolvimento e a retenção da força de trabalho. Mas, como fazer essa análise de forma correta?  Segundo especialistas, o primeiro passo para utilizar a análise de dados no RH é ter uma equipe qualificada, treinada e envolvida no processo. É fundamental saber identificar o problema a ser resolvido. O terceiro passo, é a escolha de dados relevantes. Em seguida, deve-se definir métricas e indicadores para ajudar na avaliação das informações. Também é importante relacionar os dados para elaborar as estratégias de ação.

Especialista em Ciência de dados, o professor Abraham Laredo Sicsú da FGV/EAESP explica que é preciso enfrentar alguns desafios para implementar o people analytics“Muitas empresas ainda não têm um banco de dados organizado e isso dificulta o processo de análise dessas informações. A organização dessas bases de dados já é um dos bons resultados do people analytics”, explica. Segundo Laredo, em muitas organizações o setor de Recursos humanos ainda é visto como uma área de suporte. “As empresas são formadas por pessoas e o RH deveria ser o primeiro a receber investimentos”.  

O professor ressalta que os treinamentos de people analytics devem ser mais adequados a área de Recursos Humanos, com uma linguagem mais descomplicada. “Muitos gestores e profissionais tem receio de investir em People Analytics pois a maioria dos treinamentos tem uma linguagem muito técnica. É preciso descomplicar a linguagem e o uso das ferramentas”, analisa. Laredo defende a importância de ter uma equipe bem treinada que não é só formada em TI, mas com profissionais de diversas áreas com diferentes pontos de vista. “Em breve teremos um curso aqui na FGV que poderá ser acompanhado sem dificuldades por participantes que não têm formação na área de exatas; apenas conhecimentos básicos de Excel”, explica. A ideia, segundo o professor, é que os profissionais de Recursos Humanos possam melhorar a gestão de pessoas utilizando técnicas analíticas simples, mas com resultados mais eficazes.  

Conheça o programa FGV Action People Analytics. Acesse o material completo aqui.

Turmas com início em Agosto de 2022 - Saiba mais

Nosso website coleta informações do seu dispositivo e da sua navegação e utiliza tecnologias como cookies para armazená-las e permitir funcionalidades como: melhorar o funcionamento técnico das páginas, mensurar a audiência do website e oferecer produtos e serviços relevantes por meio de anúncios personalizados. Para mais informações, acesse o nosso Aviso de Cookies e o nosso Aviso de Privacidade.